Qual foi a 'doença' que salvou os judeus dos nazistas?

Como três médicos conseguiram enganar a polícia nazista.

Stars Insider

16/11/22 | StarsInsider

LIFESTYLE História

Foi uma das mentiras mais audaciosas da Segunda Guerra Mundial: uma doença falsa sem cura que salvou dezenas de judeus dos nazistas na Roma ocupada. O distúrbio fictício era conhecido como Síndrome K e a doença foi 'tratada' em um hospital bem debaixo do nariz dos alemães.

Temendo a infecção, a Gestapo (a polícia secreta nazista) e a SS (organização paramilitar ligada ao Partido Nazista) se abstiveram de investigar a unidade de saúde. Mas logo começaram a surgir pistas sobre a misteriosa condição. Se a fraude fosse descoberta, as repercussões seriam rápidas e mortais.

Então, o que foi a Síndrome K e quais foram as razões por trás de sua invenção? Clique e descubra mais sobre o contágio letal durante a guerra que nunca existiu.

Campo obrigatório

Não perca…...


As últimas novidades da TV, do Cinema, das celebridades e do mundo da música e entretenimento.

Aceito os termos e condições e a política de privacidade.
Quero receber Ofertas Exclusivas de parceiros (publicidade)

Pode cancelar a subscrição a qualquer momento
Obrigado pelo seu registo