As piores declarações dos líderes mundiais sobre a pandemia

Donald Trump, que tanto minimizou a Covid-19, foi diagnosticado com a doença.

Stars Insider

02/10/20 | StarsInsider

LIFESTYLE Covid-19

A Covid-19 é um novo vírus, por isso é natural que haja tantas interpretações diferentes da doença e de sua capacidade de mutação. Mas o que já aprendemos sobre essa ameaça - e sua crescente taxa de mortalidade - é que não devemos subestimá-la.

Enquanto algumas figuras políticas foram mais cautelosas do que outras em seus pronunciamentos aos cidadãos, não é coincidência que os piores comentários e 'conselhos' tenham vindo de líderes que vêm sendo associados a trabalhos ineficazes em suas respostas ao coronavírus.

Ironicamente, Donald Trump surpreendeu o mundo ao anunciar que ele e a esposa Melania testaram positivo para a Covid-19. Logo o presidente dos Estados Unidos, após tanto negacionismo, minimizando a pandemia, desvalorizando uso de máscaras...

Como esquecer ainda de Bolsonaro chamando o vírus de 'gripezinha'? O presidente do Brasil foi outro líder mundial que foi infectado pela doença.

Pois, muitas dessas afirmações e ações polêmicas de presidentes e primeiros-ministros contribuíram para um fenômeno recente batizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) de infodemia, 'uma superabundância de informações — algumas precisas e outras não — que dificultam que as pessoas encontrem fontes e orientações confiáveis quando precisam delas'.

Por isso, a agência internacional alerta que a população deve ter cuidado redobrado com as notícias falsas, que espalham a desinformação.

Na galeria, veja algumas das piores declarações dos líderes mundiais sobre a pandemia. 

COMMENTÁRIOS

Campo obrigatório

Não perca…...


As últimas novidades da TV, do Cinema, das celebridades e do mundo da música e entretenimento.

Aceito os termos e condições e a política de privacidade.
Quero receber Ofertas Exclusivas de parceiros (publicidade)

Pode cancelar a subscrição a qualquer momento
Obrigado pelo seu registo