"Mais fácil abrir o Mar Vermelho do que dar audiência na Xuxa", diz ex-diretor da Record

Ignácio Coqueiro está trabalhando atualmente em um Museu de linguagem escrita

"Mais fácil abrir o Mar Vermelho do que dar audiência na Xuxa", diz ex-diretor da Record
Stars Insider

18/07/18 | StarsInsider

TV Bastidores

Ignácio Coqueiro, que está afastado da TV desde que deixou a Record no final do ano passado, onde era diretor de Xuxa Meneghel, decidiu abrir o jogo e disse que não sente falta dos estúdios. Em entrevista exclusiva ao site 'NaTelinha', Ignácio relatou que nos últimos tempos estava se cansando do formato dos programas de auditório devido às 'futilidades e bobagens'. "Não estava me fazendo muito bem", contou o profissional.

Atualmente, Ignácio está trabalhando em um Museu de linguagem escrita, onde é responsável pela parte artística. "Eu estou tão feliz com essa questão do Museu e do inglês, que estão indo super bem, que não tá dando muito saudade (da TV) não. Principalmente naquela loucura toda que era a Record. Eu sofri um pouquinho lá", disse.

Antes de ir para a Record, o diretor tinha trabalhado na Globo por 20 anos, onde foi responsável por novelas, como 'Mulheres de Areia', 'Cara e Coroa', 'A Viagem' e 'O Amor Está no Ar', além de ter dirigido o "Caldeirão do Huck".

O diretor também fez uma comparação entre as emissoras que já trabalhou. "A TV Globo realmente é uma emissora de televisão. A Record TV não tem tantos profissionais de televisão como tem a Globo. Na verdade quem manda mais são os pastores e os bispos do que os próprios profissionais da TV. Isso estava me sufocando um pouco ficar lá", desabafa o diretor, que ficou na Record TV por oito anos.

Ao ser questionado sobre quais foram seus reais motivos para deixar a Record, após o fim do projeto "Xuxa Meneghel", Coqueiro respondeu que internamente a emissora dos bispos começou a cortar custo e verbas para o programa: "A Xuxa não viaja de avião de carreira, então para alugar um jato para ela poder ir para São Paulo, eu também não conseguia, não tinha dinheiro. Então, foi feito um acordo, um contrato, com a Casablanca, que na verdade não deu pra cumprir porque não tinha dinheiro. O que acontece com isso? A qualidade do programa cai e quem é o culpado? É o diretor. Nem Spielberg dava jeito naquilo. Era mais fácil abrir o Mar Vermelho do que dar audiência na Xuxa. Por todos esses motivos, a gente vai perdendo um pouco o tesão", desabafou.

Leia Também: Maísa rebate internauta após ser chamada de 'desproporcional' em foto de biquíni

COMMENTÁRIOS

Campo obrigatório

Não perca…...


As últimas novidades da TV, do Cinema, das celebridades e do mundo da música e entretenimento.

Aceito os termos e condições e a política de privacidade.
Quero receber Ofertas Exclusivas de parceiros (publicidade)

Pode cancelar a subscrição a qualquer momento
Obrigado pelo seu registo
Não perca...